Por Carol Souza Lima, em 23/05/2016, 9:42 pm

Mitos Sobre Decoração – Parte 1: Chuva de Prata é baratinho

Ok. Não vou comentar o quanto de tempo estou afastada do blog, muito menos fazer promessa que voltarei a escrever aqui toda semana. Já fiz e não cumpri diversas vezes. Uma vergonha. :P


Estava eu em reunião hoje com uma das minhas noivas que se casa em Setembro, fazendo o projeto floral, quando pela 10875a vez eu e meu florista querido (Serginho, que está sempre presente nos encontros) ouvimos a “tal” afirmação ser feita:


– A Cerimônia pode ser super simples, nada demais. Aquelas flores baratinhas, tipo mosquitinho, branquinha.


E, pela 10875a vez eu e Serginho nos olhamos e rimos e explicamos a noiva como funciona essa questão, que é um MITO entre as noivas. Sim, a flor em si não é cara. Mas, por N motivos, ter uma cerimônia repleta delas, encarece (SIM!! Sorry, girls!!) a decoração.


Vamos a alguns motivos:


1) um maço de chuva de prata é barato. OK. UM pode até ser. Mas, você já viu o tamaninho daquilo? E tão pequenino, tão singelo. Não se faz nada com um único macinho. Uma cerimônia coloca ai pelo menos 100/200 maços
dependendo do que tiver que ser feito. E, infelizmente, nada multiplicado por 100 (ou 200!) fica baratinho.


Fora que estamos falando do preço da matéria prima. Não estamos falando que alguém encomendou as flores antes, fez 10 mil orações para que a flor chegasse em boas condições, etc, e que tivesse no dia a quantidade pedida. Mtooo menos, estamos considerando que existe alguém que está levando a flor até o seu evento, porque acordou às 2 da manhã para estar na CADEG às 3 e garantir o pedido, e tem pessoas envolvidas em MONTAR o arranjo, ou seja, frete e mão de obra. Mas, vamos ao segundo ponto.

2) Chuva de prata é uma florzinha MTO sensível. Então, para que numa semana de chuva como essa, ela brote e apareça linda e feliz e supimpa, ela precisa de sol e temperaturas ideais. Se não, vira uma lama.O que leva ao terceiro ponto…


3) Tendo em vista as condições climáticas, e aquela clássica e rebelde lei da Oferta e da Procura, os coitados dos floristas que encomendam chuva de prata dependem do custo dela, que pode ser x ou 4x (numa semana de chuva…. ou de MTO sol, por exemplo…) . O que nos leva ao próximo ponto:


4) Flor é comprada e vendida em grande parte num Leilão em São Paulo, em Holambra. Ou seja, quanto menos da flor tiver, mais cara ela fica. E mais descabelado fica o florista e o vendedor que atende ao florista.


Mas, vejam bem. Estamos fazendo reunião HOJE, dia 23 de MAIO, e o Serginho, coitado, se baseia no valor de hoje (ou na média dos valores da chuva), mas em SETEMBRO, tudo pode mudar.


5) Uma cerimônia INTEIRINHA de Chuva de prata significa que o florista te garantiu que ela vai ser de chuva, e seu sonho será realizado. Mas, se no dia ele chega lá, as 2 da manhã para buscar a chuva e o vendedor diz que ao invés de 10 passou para 40 reais o maço, o coitado tem que honrar a compra para realizar o SEU SONHO. E, algumas vezes, tira do bolso, mas não tira da sua cerimônia. Afinal, ele não tem para onde correr. Não tem como colocar outras flores.


6) Cuidado com as falsas CHUVAS DE PRATA. AS primas pobres estão por ai, cheias, lotando os eventos, até os mais chics. E as noivas pagando por elas, levando gato por lebre. Existe a chuva de prata e existe o “mosquitinho” que é a prima pobre. E ainda existe a Áster, que é um modelo bem mais visível de ser ver a diferença, mas ainda assim tem seu charme e pode ser usado.


Aqui na reunião gente deixa bem clara a diferença, explica direitinho tudo isso, as vantagens e desvantagens de usar cada uma, até mesmo porque tem o caule mais molengo, a cor mais esverdeada, umas murcham mais rápido do que as outras, fecham, ficam pretas, etc.. então, orientamos e quando dá para usar uma mais em conta no projeto, usamos, mas a cliente fica sabendo. :D

Vamos a alguns exemplos recentes de Chuva de Prata usadas nas minhas decorações.

Todas com chuva de prata, de verdade!

IMG_4478


IMG_0714


IMG_3794


IMG_3811


IMG_9625



IMG_2062


Essa abaixo é a “MOSQUITINHO”:

FullSizeRender



IMG_5967

Abaixo uma cerimônia com Samabaia e Aster e outra com aster e mosquitinhos, juntas :


IMG_6088


JeT-17

Espero que tenha dado para notar a diferença!


Beijocas
Carol
contato@carolinasouzalima.com
21 988101010

Por Carol Souza Lima, em 29/06/2015, 11:50 am

Casamento Tati e Bruno – 23 de Agosto 2014 – Solar Real

Bom dia!


Há mtoooo tempo, recebi essas fotos lindas do Túlio Thomé fotógrafo, pelas mãos da Tati e toda semana eu prometo mentalmente que vou postar. Mas, a vida corrida, a minha mania de fazer tudo sozinha, cuidar de todas as noivas e decorações item por item, não me permitem achar um tempo pro bloguinho que eu tanto gosto de alimentar.


E de quebra ainda encontra com noivas láaaaa de trás, que faz questão de dar um beijinho e bater papo. <3

Mas, nessa segunda com a cara amarrotada e matando a academia (por um ótimo motivo, convenhamos! :D) lá venho eu postar o casório da Tati e do Bruno, láaaaa em agosto de 2014, no lindo Solar Real que eu tenho tanto carinho em fazer sempre.


T_B-242

 

T_B-518


T_B-515


T_B-288


T_B-161


T_B-154


T_B-186(1)


T_B-228


T_B-234


T_B-186


T_B-214



E a vida fica muito mais alegre e bonita cheia de cores e de romance como esse numa segunda feira, não é mesmo!?


Beijocas
Carol Souza Lima

Por Carol Souza Lima, em 5/02/2015, 6:59 pm

Casório da Joana – 13 de Setembro de 2015 – Bar dos Descasados

Um casamento absolutamente despretencioso, mas nem por isso faltou tudo o que um casamento tem direito. Teve decoração bacana, super mesa de doces, bolo de 3 andares, bem casados (e brownies!), teve DJ… teve música, teve povo animado, teve povo se jogando na pista, e povo se esbaldando demais.














E teve também um registro impecável do Dueto Fotografia, que presentou a noiva , e a mim de lambuja, com essas fotos lindonas e de ficar assim parada olhando , namorando… oiwnnn… Fofas!











Qdo a Jô me procurou ela estava super animada com o casório, que seria intimista, pra no máximo 100 pessoas. Mas era pra ser um evento pequeno, pras pessoas mais próximas e queridas, mas nem por isso ela não queria a sensação de não ter realizado o sonho de casar, sabe?! Queria um vestido fabuloso (E teve um Martu de cair o queixo!), um lugar lindo (e onde seria mais incrível que o Bar dos Descasados) , um almoço em família, mas que tivesse mesas e cadeiras pras pessoas e que fosse bonito, acolhedor , aconchegante e chic.





A missão era juntar as cores do Bar dos Descasados, esse vermelho telha super intenso e bacana, mexer no mobiliário, agregar mais mesas e cadeiras já que era um almoço , e ainda ter pista de dança e um ambiente despojado.








E lá fui eu… foi uma delícia, quase como brincar de casinha montar o casamento dela. Ok… retirar os móveis de lá foi uma tarefa meio insana, mas ficou tão lindo que recebi elogios da gerência do Hotel e os funcionários não paravam de tirar fotos. Mtas vezes, o lugar já é lindo e a gente tem que dar uma pitada, um toque, ajeitar, realocar, e aproveitar e explorar o que ele já tem. Sem gastar fortunas, sem tampar tudo, sem mudar a cara do lugar.















Teve ate cantinho de recados… tipo flutuando…








Eu Adorei o resultado, e apaixonei (ainda mais) pelo Bar dos Descasados. Entrou pra minha lista de lugares charmosos que eu era louca pra trabalhar no Rio. Mais um sonho realizado. E mais uma noiva (e noivo) feliz da vida!





Beijocas!
Carol

Por Carol Souza Lima, em 29/01/2015, 8:56 pm

Erika e Jean – 1 de Nov de 2014 – Mesa de Doces e Lounges


Hello!


De volta com o casamento da Erika e do Jean, tão lindo, que merece dois posts pra caber tantas fotos bacanas da Marina Lomar, fotógrafa do casório. <3

E como não ter dois posts num casamento que mexeu com o coração da durona aqui?


Esse estilinho casa, sala de estar, parecendo que estamos logo ali na casa dos noivos, e que eles podem acabar e entrar num quarto e se despedir de todo mundo, tem mtaaaa elegância.


Esse era o pedido da Erika, que mora fora há mtos anos, e queria receber os amigos de forma bem acolhedora. Com carinha de cara. Com cara fofa, que nem ela. E como pedido de noiva é uma ordem, a gente se baseia nas inspirações delas, viaja junto, pega uma idéia aqui e outra ali… e o casório surge. Cada um com a sua carinha.








Até estante tinha… quer mais cara de casa do que isso? E as peças eu escolhi a dedo pra dar um ar bem leve… bem “nem ai…”.













E a mesa de doces seguiu o mesmo padrão, cheia de mini detalhes que eu adoro posicionar. Cada mesa é um desafio, é uma mesa diferente. Tanto pelos arranjos qto pelas peças e detalhes. Escolho cada peça na hora, dentro do acervo que eu levei e vou montando esse pequeno gigante quebra-cabeça. Faz diferença ver uma mesa de doces montada com carinho… nao faz?




















E ainda tem os detalhes nos lounges, os sofás, as poltronas, tudo escolhido a dedo pra fazer de um salão um lar. Pros noivos e pros 200 convidados quase que estavam presentes e lotaram a pista, choraram na cerimônia junto comigo, e mandaram as melhores vibrações do mundo pra esse casal tão “tailor made”.























Acho que deu pra sentir um gostinho daqueles bons de como foi esse casamento, ne?!


Só posso desejar a Erika que continue essa princesa fofa, delicada, mas cheia de personalidade e que os olhos brilham cada vez que fala dele… e que jamais esqueçam a magia desse dia. Pq ele não foi bonito, ele foi mágico mesmo.


Bjs,
Carol Souza Lima

Por Carol Souza Lima, em 28/01/2015, 2:55 pm

Erika e Jean – 1 de Nov 2014 – Solar Real




Como receber fotos como essa e não correr pra fazer um post?!


O Casório da Erika e do Jean teve como principal protagonista o amor, o encontro, o destino. Escutando a história deles, contada pelo noivo nos depoimentos, a gente percebia que se existe algo que move as pessoas ao encontro uma das outras, esse algo estava presente ali.


A festa reuniu pessoas de vários lugares, mtos convidados do Sul, de Portugal e pessoas queridas que vieram prestigiar esse casal lindo por fora e incrível por dentro. De uma alma e olhar puros, daqueles que a gente tem gosto de assistir se olhar.





Esse foi o clima da cerimônia, bastante verde, simplicidade, velas, e mtos amigos rodeando o casal. Votos, lágrimas por todos os lados (inclusive minhas!), e mto amor. Mto bom astral e energia daquelas mais puras.





Arranjos simples, cores leves, tudo delicado, que nem a Erika. E cheio de personalidade e estilo , que nem o Jean.











Dá pra sentir um clima gostoso, de recebendo em casa, cercado de amigos e pessoas próximas, não dá?





Misturamos cadeiras e tipos de mesas diferentes. Ousadia moderada, com elegância e um toque de charme…

















Jeitinho de sala de estar…







Ainda tem bastante fotos, da Marina Lomar Fotografia pra postar, mas vou guardar um pouquinho pro próximo post.

E não esqueçam que as inscrições pro meu Workshop de Decoração e Assessoria e Cerimonial estão abertas pelo email contato@carolinasouzalima.com . Sao poucas vagas e ja tenho mais da metade preenchida! :D


beijocas,

Carol Souza Lima